Todos os artigos > Poder do inventário: três capacidades essenciais de negócios para atingir o sucesso da entrega dos pedidos dos clientes
Poder do inventário: três capacidades essenciais de negócios para atingir o sucesso da entrega dos pedidos dos clientes
O atendimento do pedido do cliente (incluindo comprar na internet e retirar na loja, além de entregas que acontecem no mesmo dia) é uma das histórias de maior sucesso do varejo omnichannel. Os consumidores amam, especialmente quando a entrega é rápida e gratuita, e a demanda continua aumentando. Em resposta a isso, mais e mais …

Poder do inventário: três capacidades essenciais de negócios para atingir o sucesso da entrega dos pedidos dos clientes

Publicado: 30.07.2019 - 16:51, por eCompare.com.br

O atendimento do pedido do cliente (incluindo comprar na internet e retirar na loja, além de entregas que acontecem no mesmo dia) é uma das histórias de maior sucesso do varejo omnichannel. Os consumidores amam, especialmente quando a entrega é rápida e gratuita, e a demanda continua aumentando. Em resposta a isso, mais e mais …

O atendimento do pedido do cliente (incluindo comprar na internet e retirar na loja, além de entregas que acontecem no mesmo dia) é uma das histórias de maior sucesso do varejo omnichannel. Os consumidores amam, especialmente quando a entrega é rápida e gratuita, e a demanda continua aumentando. Em resposta a isso, mais e mais varejistas estão preparando suas lojas para serem pontos de entrega ao cliente. Na verdade, 90% dos varejistas afirmam que planejam implementar compras online que possam ser retiradas nas lojas até 2021.

De uma perspectiva operacional, o atendimento de pedidos pode ser desafiador, se não for executado com cuidado. Esse desafio é especialmente crucial na área operacional do gerenciamento de estoque. Uma visão precisa do estoque da loja é essencial para a construção de uma oferta omnichannel confiável. Se a precisão do inventário estiver baixa, uma oferta omnichannel do varejista pode dar errado rapidamente, gerando danos à reputação da marca.

Aqui estão três questões críticas que os varejistas precisam responder para se assegurar de que têm a logística de estoque correta para garantir uma oferta omnichannel confiável:

Eu tenho uma visibilidade exata de estoque perante todas as minhas lojas para ter suporte para pedidos online?

Na era digital, o estoque das lojas é consumido de jeitos novos e diferentes, em tempo real. O atendimento ao pedido do cliente acrescenta uma nova camada de complexibilidade e exige que as lojas deixem disponíveis informações de estoque em tempo real para qualquer canal de venda, evitando erros e viagens desperdiçadas ao prometer, por exemplo, um item para retirada na loja que não esteja disponível. Então, ao expandir ofertas omnichannel como comprar na internet e retirar na loja, os varejistas deveriam almejar ter uma visão global de todos os aspectos do inventário de suas redes, incluindo suas lojas.

Um ingrediente essencial para o sucesso omnichannel é um sistema de gerenciamento de pedidos omnichannel com o empreendimento das capacidades dos inventários que promove uma visão completa e em tempo real do estoque em qualquer local de atendimento na empresa, incluindo lojas, o que está em transporte, o que foi pedido e o estoque de terceiros. Com informações completas de inventário disponíveis para quaisquer canais de venda, varejistas podem oferecer aos consumidores, com confiança, a habilidade de fazer pedidos para retirar na loja ou para entrega no mesmo dia.

O estoque da minha loja está sendo usado de maneira efetiva para aumentar as margens de lucro?

Enquanto uma loja local pode ter a disponibilidade de inventário para lidar com o atendimento de pedidos online para entregar no dia seguinte, essa pode não ser a maneira mais lucrativa de processar o pedido e manter a promessa ao consumidor. Na medida em que a oferta omnichannel de atendimento de um varejista cresce, deve haver um equilíbrio entre manter promessas aos consumidores e aumentar o lucro. Por exemplo, para um pedido de entrega no dia seguinte, pode ser mais lucrativo para um varejista priorizar o uso do inventário de uma loja ao invés de outra para esgotar uma boa parte do estoque em uma das lojas e evitar descontos de alto custos. Sistemas de gerenciamento de pedidos com capacidades de otimização de atendimento inteligente podem estimar combinações da disponibilidade do estoque, condições de restrições e negócios em tempo real para melhorar continuamente como o inventário da loja é usado no atendimento, para permitir que um varejista possa fazer a entrega cumprindo a promessa feita ao cliente, enquanto aumenta o lucro, independentemente do tamanho ou da complexibilidade do estoque.

As operações da minha loja possuem as ferramentas necessárias para gerenciar o inventário com precisão?

As equipes e operações de uma loja do varejista são essenciais na função de oferecer estoques extremamente precisos para fortalecer uma oferta de atendimento omnichannel. Como tal, existem passos que os varejistas deveriam seguir para se assegurar de que suas lojas possuem as ferramentas para acelerar o trabalho de gerenciamento do estoque,eliminar etapas complicadas de entrada de dados de inventário e, por fim, reduzir os erros de dados que danificam a precisão do inventário. Os aplicativos de gerenciamento de inventário, com base em dispositivos móveis, que orientam os associados da loja a gerenciar todos os aspectos da organização de estoque, podem melhorar a precisão, incluindo a pontualidade da atualização de inventário.

A solução para melhorar a precisão do inventário das lojas pode ser o rastreamento de estoque utilizando RFID (identificação por radiofrequência, uma tecnologia que fornece jeitos de identificar cada produto individualmente, além de fazer o registro de suas informações técnicas e permitir o seu rastreamento) . O laboratório de RFID da Universidade de Auburn descobriu que quando os varejistas disponibilizam estoques de loja com tags RFID, a precisão dos inventários cresce mais de 99%, enquanto a precisão do inventário de lojas tradicional está abaixo de 70%. Com os dados de estoque otimizados pelo RFID, o gerenciamento se torna automatizado, ajudando os varejistas a expor a disponibilidade de estoque de forma mais precisa e rápida aos canais de vendas, melhorando seus desempenhos.

É hora do Push Possible.

É verdade que introduzir ou expandir as opções de atendimento ao pedido do cliente tem um grande impacto nas operações da organização de um varejista. Entretanto, varejistas inovadores estão superando esses obstáculos e encantando os clientes com seus serviços precisos e confiáveis, escolhendo a tecnologia e os parceiros certos para realizar o Push Possible. Muitos têm aproveitado o benefício extra das vendas adicionais, geradas quando os clientes vão até as lojas para retirar suas compras. Uma pesquisa feita pelo IMRG sugere que 40% fazem outra aquisição quando vão até a loja por um pedido encomende-e-retire.

Há muitos resultados positivos, mas nosso conselho é planejar cuidadosamente antes de lançar ou expandir o atendimento de pedidos e a usar tecnologia moderna de varejistas, como a Manhattan Active Omni, para estar confiante de que você possui a autoridade de inventário para encantar os clientes, fornecer crescimento sustentável e vivenciar o mínimo de dor operacional possível.