Todos os artigos > P&G inaugura Centro de Inovação para América Latina no Brasil
P&G inaugura Centro de Inovação para América Latina no Brasil
Companhia investiu cerca de R$ 200 milhões no espaço A P&G inaugurou oficialmente o seu Centro de Inovação para América Latina, o primeiro no Brasil. O espaço, localizado na cidade de Louveira, em São Paulo, é dedicado à Pesquisa & Desenvolvimento de produtos para toda a região, além de países em ascensão como Rússia. Para …

P&G inaugura Centro de Inovação para América Latina no Brasil

Publicado: 08.05.2019 - 16:00, por eCompare.com.br

Companhia investiu cerca de R$ 200 milhões no espaço A P&G inaugurou oficialmente o seu Centro de Inovação para América Latina, o primeiro no Brasil. O espaço, localizado na cidade de Louveira, em São Paulo, é dedicado à Pesquisa & Desenvolvimento de produtos para toda a região, além de países em ascensão como Rússia. Para …

Companhia investiu cerca de R$ 200 milhões no espaço

A P&G inaugurou oficialmente o seu Centro de Inovação para América Latina, o primeiro no Brasil. O espaço, localizado na cidade de Louveira, em São Paulo, é dedicado à Pesquisa & Desenvolvimento de produtos para toda a região, além de países em ascensão como Rússia. Para montar as instalações, viabilizar as operações, contratar mão de obra especializada, entre outros pontos, a companhia investiu mais de R$ 200 milhões.

“A inauguração do Centro de Inovação mostra o quanto a P&G continua acreditando em nosso País e o tamanho da importância que os consumidores brasileiros têm para a companhia globalmente. Nossa trajetória é marcada pelo pioneirismo e esse lançamento vai reforçar nossa capacidade de inovação,” afirma a presidente da P&G Brasil, Juliana Azevedo.

O Centro de Inovação é responsável por abrigar pesquisas para as unidades de cuidados com bebês, beleza, casa e higiene, femininos e orais com o objetivo de desenvolver produtos, embalagens e processos produtivos cada vez mais sustentáveis. Se dedicará também a pesquisas com consumidores, que vão desde focus groups a sessões de realidade virtual. O espaço também servirá para lançamento de produtos no mercado, suporte a negócios atuais e futuros, desenvolvimento de capacidades e inovação para gestão integral do cliente.

De acordo com a líder global de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da P&G, Kathy Fish, que veio ao Brasil especialmente para a inauguração, o espaço é uma instalação que reforça a importância da tecnologia e inovação para a companhia. “Nesta instalação, criaremos inovação para consumidores latino-americanos e de todo o mundo, inspirados pela criatividade, diversidade e expertise do talento latino-americano”, reforça a executiva.

Como se deu a escolha do Brasil para receber o Centro de Inovação da P&G?

O Brasil é oitavo país a receber um Centro de Inovação da P&G, ao todo são 14 centros no mundo. Sua escolha foi feita pela P&G Global após análise de vantagens estratégicas para a companhia, que incluem, entre outros pontos, ser o terceiro maior mercado para as categorias que a P&G atua, talento técnico de alto padrão, potencial de crescimento e infraestrutura adequada.

Já a escolha da cidade de Louveira se deu, principalmente, pela forte vantagem competitiva para a P&G. O município está localizado em uma região industrial em franca expansão, além de estar em uma posição geográfica privilegiada, que facilita o transporte e com ligação direta para algumas das mais importantes malhas rodoviárias. Louveira também abriga uma das quatro fábricas da P&G no Brasil, além de um Centro de Distribuição, com isso se torna o único Campus da P&G, multi-categorias, isto é, que possui no mesmo local toda a cadeia de desenvolvimento de produtos, desde a sua criação até o momento que vai para o cliente.

Grande parte do investimento da P&G no Centro de Inovação foi com tecnologia de ponta e maquinário. Existem equipamentos, muitos deles desenvolvidos exclusivamente para a companhia, que simulam condições climáticas, águas de diferentes países e até mini linhas de produção. Tudo isso para testar a viabilidade de um novo produto e desenvolver protótipos, antes que sejam aprovados e desenvolvidos os processos de produção para esses novos produtos e embalagens.

Fonte: Guia da Farmácia

Fotos: Shutterstock/ Guia da Farmácia

Novo Nordisk terá produção com 100% de energia renovável até 2020

Compartilhe: