Todos os artigos > O Outsourcing das coisas
O Outsourcing das coisas
Share on Facebook Compartilhar Share on Twitter Compartilhar Share on Linkedin Compartilhar Send email E-Mail Print this Imprimir O cenário de negócios tem como chave a evolução. O mundo que conhecemos está mudando e vai mudar muito mais, tanto na vida social quanto na corporativa. Notamos um paradigma positivo: para que comprar se apenas necessitamos …

O Outsourcing das coisas

Publicado: 07.06.2019 - 15:18, por eCompare.com.br

Share on Facebook Compartilhar Share on Twitter Compartilhar Share on Linkedin Compartilhar Send email E-Mail Print this Imprimir O cenário de negócios tem como chave a evolução. O mundo que conhecemos está mudando e vai mudar muito mais, tanto na vida social quanto na corporativa. Notamos um paradigma positivo: para que comprar se apenas necessitamos …

Share on Facebook Compartilhar

Share on Twitter Compartilhar

Share on Linkedin Compartilhar

Send email E-Mail

Print this Imprimir

O cenário de negócios tem como chave a evolução. O mundo que conhecemos está mudando e vai mudar muito mais, tanto na vida social quanto na corporativa. Notamos um paradigma positivo: para que comprar se apenas necessitamos das soluções no modelo de aluguel ou Outsourcing? Por que não utilizar uma bicicleta via aplicativo, um patinete, um carro, uma mala, um guarda-chuva, etc, pagando pelo serviço ou solução? Por que comprar esses produtos, se você pode tê-los somente quando e pelo tempo que necessita usando seus benefícios sem se preocupar em mantê-los funcionando ou como descartá-los depois?

A internet mudou evoluiu, conectou o planeta, as pessoas e a forma como elas estão vislumbrando as novas possibilidades de negócio. E como chegamos a este ponto? Acredito que a Internet das Coisas, que é o modo como os objetos físicos estão conectados e se comunicando entre si, gerou um planeta mais inteligente e as necessidades foram se transformando e a cada dia abrindo o caminho para um mundo “as a service” ou “as a solution” (“X”aaS), onde quase tudo pode estar disponível para ser alugado das mais variadas maneiras.

E de olho neste mercado em ebulição, quando as empresas têm intenção em terceirizar, o que antes era comprado, a Simpress defende que a próxima tendência dos negócios é o “Outsourcing das Coisas”.

Outsourcing, mas agora em um novo cenário, com novos valores para tomada de decisão envolvendo a velocidade da evolução de novas tecnologias, necessidade de foco no consumidor, em segurança da informação, a cada dia uma tecnologia ou aplicação novinha em folha, exigindo novas ações, e assim cada vez mais rápido no nosso dia a dia. Empresas e pessoas usando Soluções e serviços na medida de suas necessidades e utilizando o seu tempo no que realmente é importante para o sucesso de suas metas e projetos.

Nossas vidas, cada dia mais, estarão conectadas com serviços e soluções no cotidiano pessoal e no trabalho. No mundo B2B, a TI necessita, mais que do que nunca ser, flexível e enxuta, em busca de padrões ágeis que permitam foco na estratégia de inovação e analise das informações e não na infraestrutura. A análise financeira ainda é uma porta de entrada e a adoção progressiva do Outsourcing das Coisas é um trabalho diário dos fornecedores para mostrar que não vale a pena alocar recursos financeiros e internos na gestão. E em decorrência dessa demanda, empresas prestadoras de soluções no modelo de Outsourcing assumem a infraestrutura, liberando a TI dessas preocupações. A TI flexível e ágil dá mais velocidade aos negócios.

Se inverteu a forma de ver a tecnologia, de pensar na necessidade da empresa para refletir sobre a necessidade do consumidor, e com isso as companhias começaram a promover cada vez mais no modelo de “X”aaS (Tudo como serviço/solução).

Segundo estudos e tendências, o uso de Tecnologia da Informação no Brasil continua avançando da 2ª para 3ª plataforma tecnológica, com migração do CAPEX para OPEX apontando a adoção do modelo “… as a Service, como uma das principais tendências.  Os pilares, que revolucionam nosso acesso à informação, como Cloud, mobilidade, mídias sociais e Big Data caminham na mesma trajetória de Hardware e software.

Itens de Infraestrutura/Produtos tais como PC´s, impressoras, scanners, smartphones, tabletes, impressoras térmicas, notebooks, coletores de dados, etc, tudo aquilo que serve de base de trabalho, são itens que não devem preocupar em nenhum minuto a TI, pois ela precisa ocupar-se do que agrega valor para o negócio, de olho no consumidor, analises de dados, estratégias de mobilidade, etc. Então, para excluir essa preocupação, todos estes itens, entre outros do mundo da TI, podem ser terceirizados.

O Outsourcing das Coisas é transformador, singular, colaborativo e monitorado e a Simpress quer assumir parte importante da infraestrutura da TI adotando o posicionamento de plataforma de soluções no modelo de terceirização. Os produtos que as pessoas usam no dia a dia do seu trabalho, tais como notebook, desktop, impressoras, plotters, coletores de dados, impressoras multifuncionais, smartphones, tabletes, scanners, impressoras térmicas não precisam serem compradas, eles podem ser alugados com todas as soluções embarcadas, suporte, integrações com sistemas e segurança de dados, rentabilizando melhor o investimento em TI.

E a Simpress tem exatamente esse posicionamento: é uma provedora/plataforma de soluções no modelo de Outsourcing: hardware, materiais de consumo, peças, mão de obra, monitoramento, aplicações, integrações dos produtos com os sistemas corporativos, tudo 100% administrado por nós. Nossa intenção é que o cliente apenas use a Solução e não se preocupe com nada, e para resolver todas essas necessidades do mercado, temos o posicionamento de SaaS – Simpress as a solution.

Tudo isso nos leva a investir em novas possibilidades, pois o mundo “as a solution/service” está aberto para impulsionar de forma exponencial negócios e pessoas.