Todos os artigos > ABDI seleciona 30 empresas de grande porte para conexão com startups
ABDI seleciona 30 empresas de grande porte para conexão com startups
A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) selecionou 30 indústrias de grande porte, uma delas de Portugal, para participar do Programa Startup Indústria 4.0. A iniciativa, que está em sua segunda edição, irá conectar startups que ofereçam soluções para essas indústrias. O resultado foi divulgado nesta segunda-feira (17). As selecionadas são Docol Metais …

ABDI seleciona 30 empresas de grande porte para conexão com startups

Publicado: 17.06.2019 - 18:52, por eCompare.com.br

<!-- --> A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) selecionou 30 indústrias de grande porte, uma delas de Portugal, para participar do Programa Startup Indústria 4.0. A iniciativa, que está em sua segunda edição, irá conectar startups que ofereçam soluções para essas indústrias. O resultado foi divulgado nesta segunda-feira (17). As selecionadas são Docol Metais …

<!--

-->

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) selecionou 30 indústrias de grande porte, uma delas de Portugal, para participar do Programa Startup Indústria 4.0. A iniciativa, que está em sua segunda edição, irá conectar startups que ofereçam soluções para essas indústrias. O resultado foi divulgado nesta segunda-feira (17).

As selecionadas são Docol Metais Sanitários, Procosa, Renault, Natura, Bosch, Embraco, Marcopolo, Votorantim Cimentos, Libbs, Botica, Malwee, Arcelormittal, Cartepillar, 3M, Fras-LE, Oxiteno, Mondelez, Tigre, Confab, Nestlé, Vale, Cobra Correntes, Wirklich, International Indústria Automotiva, Schneider, Electrolux, BRF, Usaflex e Springer. A portuguesa é a Myshirt, do setor têxtil. No total, 86 indústrias brasileiras e portuguesas participaram da seleção.

O edital binacional (Brasil e Portugal), lançado pela ABDI em novembro de 2018, prevê R$ 4,8 milhões em premiação para as startups que se conectarem às indústrias de ambos os países com soluções inovadoras e tecnologias 4.0. A expectativa é que, ao final, seja feito “match” de, pelo menos, 60 startups com as 30 indústrias. Há 499 startups inscritas no programa.

A maioria das indústrias selecionadas são do estado de São Paulo (11), em seguida vem empatados Rio Grande do Sul e Santa Catarina (6), depois Paraná (4) e, por fim, Minas Gerais e Rio de Janeiro (1). Do total, 20% são indústrias de produtos químicos, farmoquímicos e farmacêuticos.

No primeiro edital do programa, 27 startups trabalharam com empresas como a Embraer, Ericsson, Dow Brasil e outras que também estão na segunda edição do edital como 3M, BRF, Embraco, Libbs, Natura, Cartepillar e Votorantim Cimentos.